28 outubro 2012
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Hoje a dica é especial para as leitoras fashionistas do @leveesolta. Vamos falar de Lana Del Rey. Vocês já reparam no estilo vintage/chique/hippie/fashion da garota? Pois é, além da voz diferenciada, Lana, que lançou seu primeiro CD “Born to die” (<<<aqui o link com o site onde o CD pode ser ouvido na íntegra) em 2011, possui um jeito marcante de se vestir.

Mas, como aqui o negócio é música, deixemos os modismos de lado e vamos falar do som. Penso que Lana Del Rey consegue misturar com maestria letras fortes, arranjos modernos e voz única. E, ainda falando de voz, é dela o talento de cantar com personalidade; consegue fazer com que seus graves e agudos brilhem muito.

Quanto ás letras (<<<aqui o link com as letras da cantora), que são escritas por Lana, elas dizem coisas sobre amor. Mas um amor forte, quente, um sentimento profundo de verdade. Honestamente, quando eu ouvi o CD pela primeira vez, fiquei surpresa. Você duvida?

Então ouve só a canção que dá nome ao álbum, “Born to die”:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=Bag1gUxuU0g]

Comments

comments

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Hoje a dica é especial para as leitoras fashionistas do @leveesolta. Vamos falar de Lana Del Rey. Vocês já reparam no estilo vintage/chique/hippie/fashion da garota? Pois é, além da voz diferenciada, Lana, que lançou seu primeiro CD “Born to die” (<<<aqui o link com o site onde o CD pode ser ouvido na íntegra) em 2011, possui um jeito marcante de se vestir.

Mas, como aqui o negócio é música, deixemos os modismos de lado e vamos falar do som. Penso que Lana Del Rey consegue misturar com maestria letras fortes, arranjos modernos e voz única. E, ainda falando de voz, é dela o talento de cantar com personalidade; consegue fazer com que seus graves e agudos brilhem muito.

Quanto ás letras (<<<aqui o link com as letras da cantora), que são escritas por Lana, elas dizem coisas sobre amor. Mas um amor forte, quente, um sentimento profundo de verdade. Honestamente, quando eu ouvi o CD pela primeira vez, fiquei surpresa. Você duvida?

Então ouve só a canção que dá nome ao álbum, “Born to die”:

[youtube http://www.youtube.com/watch?v=Bag1gUxuU0g]

Comments

comments



Comentários


Deixe seu comentário:

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×