9 fevereiro 2015
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

07-resenha-de-livro-dancando-sobre-cacos-de-vidro
Crédito da foto: Just Carol

Baixei este livro por acaso no Ipad. Gostei da capa e do título. Forte né? Dançando sobre caco de vidro, já dá um friozinho na barriga só de imaginar o sentido literal da frase. Comecei a ler sem esperar nada, mas já posso adiantar que foi um dos melhores livros que li dos últimos tempos. Daquele que dá vontade de sair indicando para todo mundo. O enredo é dramático, aborda temas como o câncer e a bipolaridade. E, claro, sobre o amor. O amor que ultrapassa os limites de qualquer transtorno ou doença.

trecho-livro-dancando-sobre-cacos-vidro-ka-hancockA história envolve dois personagens que não deveriam se apaixonar, Lucy Houston e Mickey Chandler. Os dois possuem histórico de doenças genéticas graves, porém, o romance entre os dois é inevitável. Eles acabam se apaixonando e casando.  Mas para lidar com os fantasmas que rondam a saúde de Lucy e estabilidade mental de Mickey, o casal decide criar diversas regras para a estabilidade do casamento. Uma delas é a de não ter filhos, para não passar adiante a herança genética. Para surpresa dos dois, Lucy descobre que está grávida depois de onze anos de casamento.

A história é profunda, a construção dos personagens é muito rica. Impossível não se apaixonar por cada um. A descrição dos sentimentos vividos é muito bem detalhada pela autora. É um daqueles livros que te fazem sentir. Ele realmente mexeu comigo. Chorei em diversas partes. E olha que é bem difícil um livro me fazer chorar.
LfQ-tMnJ

A obra possui 336 páginas, e é o primeiro romance de Ka Hancok. E apesar da autora não viver da escrita, ela é enfermeira especializada em casos psiquiátricos, desejo muito que ela escreva mais livros como este.

Indico muito mesmo. Alguém por aqui já leu?

Comments

comments

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

07-resenha-de-livro-dancando-sobre-cacos-de-vidro
Crédito da foto: Just Carol

Baixei este livro por acaso no Ipad. Gostei da capa e do título. Forte né? Dançando sobre caco de vidro, já dá um friozinho na barriga só de imaginar o sentido literal da frase. Comecei a ler sem esperar nada, mas já posso adiantar que foi um dos melhores livros que li dos últimos tempos. Daquele que dá vontade de sair indicando para todo mundo. O enredo é dramático, aborda temas como o câncer e a bipolaridade. E, claro, sobre o amor. O amor que ultrapassa os limites de qualquer transtorno ou doença.

trecho-livro-dancando-sobre-cacos-vidro-ka-hancockA história envolve dois personagens que não deveriam se apaixonar, Lucy Houston e Mickey Chandler. Os dois possuem histórico de doenças genéticas graves, porém, o romance entre os dois é inevitável. Eles acabam se apaixonando e casando.  Mas para lidar com os fantasmas que rondam a saúde de Lucy e estabilidade mental de Mickey, o casal decide criar diversas regras para a estabilidade do casamento. Uma delas é a de não ter filhos, para não passar adiante a herança genética. Para surpresa dos dois, Lucy descobre que está grávida depois de onze anos de casamento.

A história é profunda, a construção dos personagens é muito rica. Impossível não se apaixonar por cada um. A descrição dos sentimentos vividos é muito bem detalhada pela autora. É um daqueles livros que te fazem sentir. Ele realmente mexeu comigo. Chorei em diversas partes. E olha que é bem difícil um livro me fazer chorar.
LfQ-tMnJ

A obra possui 336 páginas, e é o primeiro romance de Ka Hancok. E apesar da autora não viver da escrita, ela é enfermeira especializada em casos psiquiátricos, desejo muito que ela escreva mais livros como este.

Indico muito mesmo. Alguém por aqui já leu?

Comments

comments



Comentários


Deixe seu comentário:

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×